Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Mundo Cristão

Pastor Sóstenes Cavalcante sai em defesa da CGADB

“ Não podemos retroagir ao passado. É preciso avançar sempre e lutarmos pela nossa liberdade religiosa ” disparou Cavalcante.  

Publicado

em

O pastor Sóstenes Cavalcante, Presidente da Assembleia de Deus  CIADSETA em Nova Olinda –TO e vice-presidente do Conselho Político da Convenção CIADSETA –TO, foi mais um dos líderes no Brasil que saiu em defesa do pastor Wellington Júnior, após ação judicial do PT de Lula contra o líder da CGADB.

 

Segundo Cavalcante, a liberdade religiosa é inegociável: “Temos liberdades constitucional inegociáveis, em especial a liberdade religiosa. Assisto a esse episódio como um prenúncio, com um alerta a todo povo brasileiro, não somente às Assembleias de Deus, mas, a todos os cristãos de nosso imenso Brasil, caso esse partido volte a assumir o comando da nação”, disse Sóstenes Cavalcante.

 

Para o líder tocantinense, a esquerda no Brasil não respeita as liberdades e garantias fundamentais e individuais de cada cidadão.

 

“ Não podemos retroagir ao passado. É preciso avançar sempre e lutarmos pela nossa liberdade religiosa ” disparou Cavalcante.

 

“Me solidarizo com os milhares de assembleiamos de todo o país, filiados, vinculados e congregados da CGADB.  Quando se feri o nosso líder pastor Wellington Júnior, também se feri a nossa instituição e ato como este deve ser repudiado”.

PUBLICIDADE