Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Mundo Cristão

Saxofonista evangélico que sofria de depressão é encontrado morto

Músico premiado, sua morte foi comentada por muitos artistas evangélicos

Publicado

em

O pastor e saxofonista André Paganelli, 49 anos, foi encontrado morto na última quarta-feira (19). Ele sofria de depressão e tirou a própria vida.

Dias antes do ato, ele usou as redes sociais para comemorar o fato de ter sido aceito como membro da Associação da Comunidade Unida de Capelães dos Estados Unidos, o que possibilitou seu ingresso no Departamento de Polícia de Los Angeles como oficial primeiro-tenente.

Além de ser reconhecido nacionalmente por seu talento musical, Paganelli  era bacharel em teologia pelo Seminário Bíblico Palavra da Vida, de Atibaia (SP), e pastor pela Convenção Batista Brasileira.

Prêmios na música 

Como instrumentista, Paganelli foi indicado a prêmios como o Troféu Talento, que venceu em 2009, e o Grammy Latino, do qual também foi membro votante, assim como da Ordem dos Músicos do Brasil e da Associação Brasileira de Regentes Arranjadores e Músicos.

PUBLICIDADE