Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Mundo Cristão

Do Sudeste, filho de co-fundador do SETA anuncia pré-candidatura a 3º vice-presidente da Convenção

 Atualmente o pastor Adiel Rêgo é o presidente da AD Ciadseta em Natividade, município localizado no Sudeste do Tocantins, distante 305 km da capital do Estado

Publicado

em

O pastor Adiel Rêgo, filho do saudoso Pastor Paulo Pereira Rêgo, Pioneiro do Seta na década de 50, anunciou nesta quarta-feira (12) a sua pré-candidatura ao cargo de 3º vice-presidente da Convenção Ciadseta.  A eleição da nova Mesa Diretora acontecerá em dezembro em Araguaína –TO.

 Atualmente o pastor Adiel Rêgo é o presidente da AD Ciadseta em Natividade, município localizado no Sudeste do Tocantins, distante 305 km da capital do Estado. Em Natividade, ele exerce também a função de 1º vice-presidente do Conselho da Comarca de Natividade e Presidente da Associação de Pastores e Obreiros de Natividade (APONARTE).

Trajetória

O pastor Adiel Rêgo é natural do Estado do Maranhão, nasceu em 28 de novembro de 1965, é casado com a missionária Simone Rêgo, pai de três filhos, sendo eles: Adriene, Sara e Gabriel.

Adiel é filho do saudoso Pastor Paulo Pereira Rego, um dos pastores desbravadores da Convenção Ciadseta –TO, que logo nos anos seguintes, se tornaria uma das maiores convenções do norte do Brasil.

O seu pai esteve presente na 1ª Convenção do SETA em 1953 e na 2ª Convenção no ano de 1954, ocasião onde foi ordenado pastor juntamente com seu irmão Antônio Pereira Rêgo e o pastor Luiz de França Moreira.

Em entrevista ao JM Notícia, pastor Adiel Rêgo afirmou que serve ao Senhor Jesus há mais de 50 anos:

“Temos trabalhado com afinco na seara do Senhor e praticado o que apreendemos desde cedo com o meu pai. Penso com muita humildade que podemos representar os Ministros do Evangelho na Mesa Diretora da nossa querida Ciadseta”, disse Rêgo.

Pastor Adiel Rêgo é formado em Teologia pelas Escolas teológicas Paulo Leivas Macalão e pelo Seminário Hosana Internacional. Atualmente é professor de teologia pelo Ministério EBADEP.

Em Paraiso do Tocantins, ele morou por mais de 25 anos, momento em que participou da vida pública política e eclesiástica, recebendo inclusive o Título honorífico de Cidadão Paraíso –TO, em reconhecimento pelos seus relevantes serviços prestados ao desenvolvimento humano daquela cidade através da sua atuação Pastoral.

PUBLICIDADE