Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Mundo Cristão

Cantores evangélicos lamentam morte de Ludmila Ferber

A pastora morreu vítima de um câncer no pulmão que se espalhou para outros órgãos

Publicado

em

Vários cantores evangélicos usaram as redes sociais para lamentar a morte da cantora e pastora Ludmila Ferber, 56 anos, que faleceu nesta quarta-feira (26), vítima de um câncer no pulmão.

Entre eles amigos próximos da pastora como a cantora Fernanda Brum, que divulgou uma série de imagens das duas em várias fases da vida.

“Você foi, você é, nossa amizade, seu ministério… São tantas histórias e lembranças que não cabem num post, numa foto. Temos uma vida e um legado. Eu amo você, o que você deixou de aprendizado. Sua vida foi exemplo e esperança”, diz trecho da postagem de Fernanda.

O cantor Marcos Freire, um dos últimos a lançar um single com Ludmila, também fez um post emocionado. “Eu perdi minha mãe profeta. Eu ainda não estou acreditando que você se foi. A gente orou sua 25 de dezembro 04h da manhã por cura! Nos falávamos nos dias mais difíceis… Tudo estava muito puxado… Eu sei que ela escolheu descansar!!! Deus prometeu e cumpriu mantê-la firme até o dia que ela subisse pra glória”, escreveu.

Soraya Moraes também lamentou a morte da amiga. “Minha amiga querida agradeço a Deus por ter te conhecido, por ter gravado uma música tua, por ter orado com vocês varias vezes e sido aconselhada, e me sentir amada por você”.

A pastora Sarah Sheeva, que se converteu na igreja em que Ludmila era pastora, também comentou sobre a perda. “Partiu para o Senhor a mulher, adoradora, serva de Deus e profeta que me ensinou quase tudo o que sei sobre adoração, batalha espiritual, santificação do Altar, e caráter de serva de Deus. Ela me batizou nas águas, me ensinou tantas coisas… mas principalmente, me ensinou que a ESTRELA É JESUS Cristo. Vai em Paz minha @pastoraludmilaferber Ah, imagino que agora ela deva estar se deleitando nos braços do Pai Eterno!”

O pastor André Valadão também usou as redes sociais para falar sobre essa perda. “Ela foi a primeira pessoa a me incentivar a começar um ministério solo, foi lá, na cozinha da minha casa, assentada comigo e a @cassi_valadao nos mostrando de forma tão clara o que poderíamos fazer e dar passos de fé. Sim, a Lud viu antes de muita gente ver, e lá está agora nos braços do Pai.”

 

PUBLICIDADE