Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Tocantins

Manifestação pela Liberdade atraiu dezenas de pessoas em Palmas

Evento aconteceu na capital tocantinense e também em várias outras cidades do país

Publicado

em

Por Eliane Tenório

A senhora Jenair Vicentini, 82 anos, mora em Palmas há três anos e a exemplo de outros patriotas participou da manifestação pela liberdade que acontece na tarde deste domingo, 1º de maio, na Praça dos Girassóis, em Palmas. “É importante participar e lutar pela nossa liberdade os nossos valores, nossa educação, nossa cultura e a condição dos nossos antepassados os quais temos que seguir para o progresso e bem estar da família brasileira”, afirmou.

A jovem estudante, Heloísa Bruno Miranda, 20 anos, participa dos movimentos desde o início e também defende a família. “Luto principalmente pela liberdade de expressão que temos perdido deliberadamente, sou contra a legalização do aborto e defendo a família”, afirmou.

Rafael Albuquerque também presente no ato cívico, foi com a esposa e seus dois filhos. “É importante trazê-los para que cresçam sabendo que devem lutar por seus direitos”, explicou.

A manifestação, organizada por movimentos conservadores do Tocantins, teve início com uma concentração na Praça dos Girassóis, seguida de uma carreata pelas ruas de Palmas e contou com a participação de centenas de pessoas.

A representante do Movimento Endireita Tocantins, Oliane Prado convocou a população para participar das manifestações. “As pessoas precisam despertar o sentimento patriota, retornar. Deixar de ser militante de WhatsApp, porque isso não é defender a liberdade. É preciso estarmos prontos e sermos firmes na defesa das famílias”, afirmou.

Outro representante do Endireita Tocantins, Thiago Marasca, acredita que essas manifestações são sinalizações de que a população não vai aceitar que lhe seja retirada a liberdade fundamental que lhe assegura o direito de expressão. “Sou contra a censura e peço que os políticos e as instituições respeitem e façam valer a Constituição Federal”, enfatizou.

Entre as pautas, os manifestantes clamaram principalmente pelo direito de liberdade de expressão e apoio a Daniel Silveira e ao induto dado pelo Presidente Bolsonaro ao parlamentar, além da defesa da família, contra o aborto e desarmamento.

A representante do grupo “Vozes da Liberdade”, Yette Nogueira destacou a importância da manifestação “É importante que estejamos unidos nesses momentos e fundamental a participação dos cidadãos, que vão às ruas exigir que seus direitos sejam respeitados”, afirmou.

Para o membro do grupo “Vozes da Liberdade”, Mike Bruno de Souza, a população não pode mais se calar, pois corre o risco de perder direitos conquistados. “Estamos aqui para lutar por essa liberdade e dizer não à tirania. “Também queremos ter certeza de que o voto que digitamos nas urnas foram registrados de forma correta”, sustentou.

Foto: Allane Tenório

PUBLICIDADE