Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Brasil/Mundo

Famosos são acusados de homofobia por apoio ao pastor Claudio Duarte

Ao contrário do que os internautas dizem, fala do pastor sinaliza respeito entre evangélicos e homossexuais

Publicado

em

Por compartilharem trecho de uma fala do pastor Claudio Duarte sobre homossexuais, o ator Caio Castro e a apresentadora Rafa Kalimann foram acusados de homofobia pelos internautas.

No vídeo compartilhado por eles, o pastor aparece participando do Programa Raul Gil dizendo que não concorda com a prática homossexual, mas que respeita os homossexuais.

“Eu vivi com um cara que era meu irmão, e ele era gay. Ele tinha uma situação [financeira] melhor que a minha. Eu usava o tênis dele, as roupas dele. Eu não tenho problema nenhum. Eu tenho valores, não vou abrir mão deles. Se você me perguntar se eu acho certo, eu não acho. Mas isso não nos torna inimigos”, diz o pastor na entrevista.

Mas para os internautas, dizer que não concorda com a prática é homofobia, logo, o pastor e todos que concordam com ele são homofóbicos.

Caio Castro e Rafa Kalimann precisaram se defender dos ataques. A finalista do BBB20 até apagou o vídeo compartilhado em suas redes sociais para evitar mais ataques.

Assista ao vídeo que causou a polêmica:

PUBLICIDADE