Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Mundo Cristão

Caio Fábio diz que prisão foi ‘envio apostólico missionário’

Publicado

em

Da Redação JM Notícia

 

O reverendo Caio Fábio gravou um vídeo postado neste domingo (28) comentando os dias que ficou preso no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, por conta da condenação sobre o caso Dossiê Cayman.

Ao comemorar estar rodeado de seus familiares, o religioso disse que a prisão foi “envio apostólico missionário”, onde ele pode conversar com alguns dos presos que estavam naquele presídio.

“Estou na paz do Senhor depois de uma semana de envio apostólico missionário para cumprir a mensagem que eu tinha pregado domingo à noite no teatro Universo. Quem mensagem foi essa? ‘Vos sois a carta viva'”.

O pastor da igreja Caminho da Graça disse que pode viver dias de missão na cadeia mesmo sem ter levado sua Bíblia. “Foi tão maravilhoso que até a minha Bíblia eu deixei para trás, eu não precisava levá-la porque ela me habita, o Evangelho está aqui”, disse ele batendo no peito.

Segundo Caio Fábio, os dias que esteve preso foram “dias de milagres, graça e maravilha”. Ele ainda comemorou que não cortaram seus cabelos como fazem com os presos.  “Eu entrei de cabelo grande e saí de cabelo grande como um sinal singelo de que tudo aquilo foi apenas missão”, declarou.

No vídeo, ele ainda agradece o apoio recebido por quem o acompanha e convidou os internautas de Brasília a estarem com ele no culto que ele realizou no domingo à noite no teatro Universo.

 

Assista:

PUBLICIDADE