Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Brasil/Mundo

Apesar da resistência, governo diz ter votos para aprovar pastor André Mendonça ao STF

Nos últimos dias, o ex-advogado-geral da União conquistou apoios importantes.

Publicado

em

Apesar da resistência do senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), que preside a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado e é responsável por pautar a sabatina de André Mendonça, indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para a vaga do ministro Marco Aurélio Mello no Supremo Tribunal Federal (STF), o Palácio do Planalto diz ter os votos suficientes para aprovar o nome do “terrivelmente evangélico” como novo integrante da Corte.

Nos últimos dias, o ex-advogado-geral da União conquistou apoios importantes. Agora, aliados do governo trabalham para que Mendonça seja sabatinado o quanto antes.

Com Jovem Pan

PUBLICIDADE