Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Política

PSB-TO escolhe Carlos Amastha para disputar ao Senado no lugar de Luxemburgo

O ex-técnico da seleção brasileira não ficou satisfeito com a decisão

Publicado

em

O ex-prefeito de Palmas (TO), Carlos Amastha, presidente estadual do PSB, será candidato ao Senado no lugar do ex-técnico da seleção brasileira Vanderlei Luxemburgo.

A decisão foi tomada durante a convenção da legenda que aconteceu na capital na manhã desta sexta-feira (5). O PSB decidiu também que terá carta branca para poder apoiar um candidato ao governo.

Luxemburgo não gostou da decisão da sigla e chegou a pedir a palavra para que os diretores ouvissem as propostas dele, de Amastha e então tomassem a decisão. Houve tumulto.

O ex-técnico de futebol disse que está há meses se preparando e se posicionando como pré-candidato e que não aceitava a decisão. Ele, inclusive, ameaçou entrar na Justiça.

Uma reportagem publicada ontem no Estadão já adiantava a intenção do ex-prefeito de Palmas em colocar Luxemburgo para ser candidato a deputado federal. A ideia, segundo fonte ouvida pelo jornal paulistano, é transformar o novato do partido em um puxador de votos.

 

PUBLICIDADE