Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Bastidores

Ministra Damares fala ao JM sobre fake news de candidatura a deputada federal pelo Tocantins

Com exclusividade ao JM Notícia, a ministra esclareceu que há muitos rumores como esse sendo lançados pelo país.

Publicado

em

Jornalistas esquerdistas do Tocantins repercutiram, com muitas críticas, uma notícia inverídica de que a ministra da Mulher, Damares Alves, seria candidata a deputada federal pelo PTB do Tocantins, agora sob o comando do empresário Alex Kawano e do pastor Paulo Martins Neto, presidente da Convenção Ciadseta.

Com exclusividade ao JM Notícia, a ministra esclareceu que há muitos rumores como esse sendo lançados pelo país, mas que neste momento ela não é candidata a nenhum cargo político.

“Eu não sou candidata a nada em Tocantins. Não é hora de pensar em eleição, nem em candidatura, é hora de trabalhar e trabalhar muito”, disse ela.

A explicação veio após jornalistas a chamarem de “medíocre” e “paraquedista”, colocando em xeque a brilhante história de uma mulher, advogada, defensora de causas importantes que trabalhou e tem trabalhado duramente em ações como foi a CPI da Pedofilia lançada no Senado em meados de 2008.

Ataques contra a Ministra Damares

“Em outros tempos, outros “paraquedistas” já caíram por aqui, cavando mandatos, sem, no entanto, conseguir repetir a proeza. Mas eram outros tempos. Agora, resta acompanhar como o eleitorado vai reagir ao projeto Damares, e como no interior, os atuais deputados e seus colégios reagirão a esta tentativa de apropriação de um mandato popular”,  reportagem de um veículo da Capital que é contra o Governo Jair Bolsonaro, que disparou fake news contra a Ministra Damares Alves.

Veja o vídeo completo: 

PUBLICIDADE