Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Tocantins

Governador garante que primeira etapa do HG de Araguaína será inaugurada ainda neste semestre

Wanderlei Barbosa visitou as obras do novo hospital

Publicado

em

O governador do Estado do Tocantins, Wanderlei Barbosa, quer entregar à população, no mês de julho deste ano, a primeira etapa do Hospital Geral de Araguaína (HGA), em obras no setor Jardim dos Ipês. A declaração foi dada durante visita às obras da unidade neste sábado, 26, acompanhado dos secretários de Estado da Saúde, Afonso Piva, e da Infraestrutura, Jairo Mariano.

O Governador reafirmou que a saúde é uma prioridade em sua gestão e destacou que o HGA é uma obra muito aguardada pela população de Araguaína. “Estamos dando um impulso nas obras, foi duplicado o número de trabalhadores, queremos entregar a primeira etapa no mês de julho deste ano, porque sabemos das dificuldades que temos com saúde aqui em Araguaína. Nessa semana recebemos mais de 80 pessoas de outros estados no Hospital Regional e a falta de acomodação nos preocupa”, disse.

O chefe do Executivo Estadual explicou ainda que já determinou que os pagamentos sejam feitos em dia, para que não aconteçam paralisações e pediu agilidade da empresa para que as obras das outras etapas sejam entregues o mais rápido possível. “Conosco não haverá paralisação. Queremos impulsionar cada vez mais para que seja abreviada a conclusão”, frisou.

O secretário de Estado da Saúde, Afonso Piva, disse que com a entrega do ambulatório será possível instalar vários departamentos no local. Explicou que a conclusão das próximas etapas está prevista para dois anos, mas é possível que seja abreviado. Segundo ele, com a conclusão serão 400 leitos, com possibilidade de ampliação em mais 200. “É um hospital gigantesco para atender toda a região norte do Tocantins”.

A mesma opinião é compartilhada pelo secretário da Infraestrutura, Jairo Mariano. Ele disse que as obras da unidade podem chegar a R$ 200 milhões. É uma obra, que quando concluída vai mudar a concepção de estrutura de saúde que temos no Estado”, ressaltou lembrando o compromisso de agilizar o andamento das obras.

O HGA conta com uma área de 90 mil m² e quando concluído, terá 39 mil m² de área construída. As obras de construção estão divididas em três etapas e para a primeira fase estão sendo destinados R$ 30 milhões do orçamento do próprio Estado.

Concluída, a unidade contará com 400 leitos de unidade hospitalar e serão subdivididos da seguinte forma: 120 leitos para clínica médica; 87 para leitos de cirurgia; 70 para leitos de ortopedia; 11 para leitos de psiquiatria; dois para leitos de obstetrícia; dois para leitos de pediatria; 28 para leitos para especialidades diversas; 60 para leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 20 leitos de Unidade de Cuidado Intermediário. Além de setores de oncologia, diálise, laboratórios e área administrativa. A estrutura também terá unidade de Pronto Socorro, onde comportará um atendimento diário para mais de 150 pessoas.

PUBLICIDADE