Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Política

COMADEMAT emite nota em apoio ao pastor José Wellington após perseguição do PT

A nota diz que líder das Assembleias de Deus Ministério Belém é alvo de “injusta perseguição política”

Publicado

em

A COMADEMAT, através do presidente pastor João Agripino França, emitiu uma nota de apoio ao pastor José Wellington Júnior, presidente da CGADB, que foi representado ao Tribunal Superior Eleitoral pelo Partido dos Trabalhadores por ter permitido a participação do presidente Jair Bolsonaro na 45º AGO que aconteceu na semana passada em Cuiabá (MT).

A nota diz que líder das Assembleias de Deus Ministério Belém é alvo de “injusta perseguição política” e que no evento questionado pelo partido do ex-presidente Lula, Bolsonaro compareceu “como chefe de Poder Executivo Federal, na mais devida ordem e legalidade”.

Diante disto, a COMADEMAT presta seu apoio e carinho ao líder e diz que crê que ele sairá desse caso com a vitória.

PUBLICIDADE