Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Tocantins

Com avanço da vacinação, casos de covid-19 caem 91% no Tocantins

Dados da SPAS mostram que, em janeiro de 2022, o Tocantins registrou 194 internações pela doença e em fevereiro 53, uma queda de 72,6%

Publicado

em

O Estado do Tocantins registra redução de 91,7% no número de casos confirmados da covid-19 em 2022. A mesma tendência de queda também foi registrada no número de óbitos, com redução de 86,9% no primeiro trimestre deste ano. Já as internações tiveram uma redução de 72,6%. Os dados são do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS/TO) e da Superintendência de Proteção e Atenção à Saúde (SPAS), da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

O levantamento realizado constatou que o Tocantins registrou um pico da doença no mês de janeiro deste ano, com 42.381 casos confirmados e 96 óbitos, aumento relacionado à introdução da nova variante Ômicron, mais contagiosa e menos letal. No mês de fevereiro, com a ampliação da população vacinada, os índices começaram a baixar, sendo apontados 20.370 casos confirmados. Março fechou com 1.700 casos positivos; e no mês de abril, até o dia 10, foram 75 confirmações da doença.

Com relação ao número de óbitos, o Estado registra 14 dias sem a perda de vidas pela doença. A última notificação ocorreu no dia 25 de março e até esta segunda-feira, 11, este índice está zerado, no painel do Centro de Informações e Decisões Estratégicas em Saúde (Integra Saúde). Nos três primeiros meses de 2022, houve queda de 86,9% dos óbitos, com registro de 96 em janeiro, 61 em fevereiro, oito em março e nenhum em abril, até o momento.

As internações por covid-19 também caíram no Tocantins. Dados da SPAS mostram que, em janeiro de 2022, o Tocantins registrou 194 internações pela doença e em fevereiro 53, uma queda de 72,6%.

Para o secretário de Estado da Saúde, Afonso Piva de Santana, isso é a garantia da eficácia das vacinas utilizadas no Sistema Único de Saúde (SUS). “O Tocantins já conta com 63,54% da sua população totalmente imunizada. Não é o índice que buscamos, pois queremos toda a população protegida, mas já reflete nos indicadores de Saúde. A redução nos casos confirmados e, principalmente, a redução expressiva de internações e óbitos nos demonstra que estamos no caminho certo”, afirmou.

O gestor ainda fez um apelo. “Conclamamos a população tocantinense que busque as Unidades de Saúde e se vacine. Quem tiver dúvidas sobre estar infectado, que faça os exames necessários. Com as vacinas disponíveis, conseguimos controlar diversas doenças, além da covid-19”, ressaltou.

Edição: Lenna Borges

Revisão Textual: Marynne Juliate

PUBLICIDADE