Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Política

Cinthia Ribeiro exonera indicações de vereadores que votaram contra Folha Filho

O ato de represália da Prefeita Cinthia Ribeiro, segundo fonte do JM, poderá colocar 09 vereadores em oposição ao Paço Municipal

Publicado

em

Após a prefeita Cinthia Ribeiro (PSDB) vencer a eleição da presidência da Câmara de Palmas, por diferença de apenas um voto, uma enxurrada de exonerações de indicações de vereadores ´governistas’ tomou conta do Diário Oficial de Palmas, nesta sexta-feira (01) de julho.

Os vereadores Valdson da Agesp, Mauro Lacerda, Laudecy Coimbra, ex-líder da gestão, Rogério Freitas e Joatan de Jesus tiveram suas indicações rifadas pela gestão municipal, por não atacarem a ordem da prefeita em votar no vereador Folha Filho para à presidência da Câmara de Palmas.

Represália

O ato de represália da Prefeita Cinthia Ribeiro, segundo fonte do JM, poderá colocar 09 vereadores em oposição ao Paço Municipal, contra 10 vereadores do Paço. Com a perda de cargos, os vereadores Valdson da Agesp (PSDB),  e Joatan de Jesus (Cidadania), até então pré-candidatos a deputado federal poderão desistir da pré-candidatura nas eleições de outubro.

Baixa

Laudecy foi rifada pela gestão municipal 

Vale destacar, que o vereador Valdson da Agesp é filiado ao PSDB, presidido pela Prefeita Cinthia no Estado. Com a possível desistência de Valdson da Agesp, o PSDB perde um nome de peso para ajudar o partido a eleger um federal em outubro; aliás, dois nomes, tendo em vista que há a federalização partidária entre o Cidadania e o PSDB.

PSB

Já o vereador Mauro Lacerda segue firme percorrendo o Estado, conquistando apoios em diversos segmentos da sociedade. Ele é pré-candidato a deputado estadual pelo PSB. Sobre a ex-líder da prefeita na Câmara, Laudecy Coimbra, não se tem notícia de que ela possa concorrer às eleições de 2022.

PSDB

Com a renúncia de dois nomes de peso, ficará inviável a pré-candidatura do vereador Eudes Assis à Câmara dos Deputados.  Nos bastidores, líderes evangélicos sondam Eudes Assis para disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa. Eudes foi suplente de deputado estadual, é ex-presidente Estadual dos Estudantes Secundaristas e possuem uma boa aceitação no segmento evangélico do Tocantins.

Durante a sua gestão na Agência de Turismo, Assis se destacou como um empreendedor e habilidoso secretário da gestão municipal.

MDB

Um outro nome de peso que irá disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa é o de Rogério Freitas, ex-presidente da Câmara de Palmas. Freitas tem percorrido o Estado e montado um time de peso para ocupar uma cadeira na AL-TO em 2023.

PUBLICIDADE