Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Brasil/Mundo

625 mil pessoas terão que devolver o Auxílio Emergencial

Por outro lado, mais de 11 mil pessoas receberão uma parcela extra, pois foram reincluídas no programa

Publicado

em

Nesta semana, o Ministério da Cidadania divulgou que 625 mil brasileiros foram notificados por SMS que terão que devolver o Auxílio Emergencial que receberam de forma ilegal.

A devolução é exigida após a Receita Federal fazer uma malha fina e verificar que essas pessoas tiveram renda acima do permitido para fazer parte do programa.

As mensagens são enviadas pelos números 28041 e 28042, qualquer outro número que envie mensagens solicitando a devolução do dinheiro deve ser considerado como fraude.

Outra informação importante: quem recebeu o SMS original precisa confirmar se o site indicado para saber sobre a situação e negociar a devolução dos valores tem que gov.br.

Este é o terceiro lote de mensagens enviadas ao longo de 2021, a campanha visa recuperar dinheiro público e até o dia 18 de novembro  foram devolvidos aos cofres públicos aproximadamente R$ 66,3 milhões.

Parcela para quem teve o benefício cortado

Por outro lado, mais de 11 mil pessoas receberão uma parcela extra, pois foram reincluídas no programa após nova análise da Dataprev.

Ou seja, quem recebeu o benefício, depois teve as parcelas negadas e entrou com contestação, pode verificar a resposta e ver se o pagamento foi aprovado. Para saber se terá direito, é preciso acessar o site do Auxílio Emergencial.

 

PUBLICIDADE