Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Brasil/Mundo

PGR pede ao STF para rejeitar ações de Bolsonaro contra o lockdown

O presidente, através da AGU, entrou com uma ação contra o lockdown adotado em três estados: Pernambuco, Paraná e Rio Grande do Norte

Publicado

em

A Procuradoria-Geral da República (PGR) defendeu no Supremo Tribunal Federal (STF) a rejeição da ação apresentada pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, contra medidas restritivas determinadas por governadores de Estados para conter o avanço da covid-19.

A Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) pede a suspensão de decretos de três Estados: Pernambuco, Paraná e Rio Grande do Norte. O pedido foi apresentado pelo presidente, em maio, por meio da Advocacia-Geral da União (AGU).

PUBLICIDADE