Conecte-se conosco
[the_ad id="107359"]

Política

Malafaia e Cezinha Madureira discutem em relação a jogos de azar

Malafaia acusou o presidente da FPE de trocar aprovação de jogos de azar por isenção de IPTU para igrejas alugadas

Publicado

em

O pastor Silas Malafaia afirmou nesta quinta-feira (16) que o deputado Cezinha de Madureira, presidente da Frente Parlamentar Evangélica (FPE), teria negociado por fora da bancada para conseguir legalizar os jogos de azar no país.

A moeda de troca seria a aprovação da isenção de IPTU, texto que realmente foi aprovado na noite de ontem. “Não sei quais são os interesses dele. Me parece muito estranho”, disparou o pastor.

Mas Cezinha Madureira não gostou da acusação e respondeu: “É mentira. Triste ver um crente acusando outro”, afirmou Cezinha. “É uma acusação gravíssima, sem nenhuma base. Não fiz nenhum acordo. Isso é mentira. Não vou brigar com o pastor Silas. Somos crentes e fazemos parte do mesmo reino. Não é com brigas internas que se resolve. Dividido, o reino não se fortalece”, disse o deputado.

Em nota, a FPE desmentiu também o site O Antagonista que tinha publicado uma matéria sugerindo a mesma situação: os deputados evangélicos votariam pela legalização dos jogos de azar se a Câmara aprovasse a isenção do IPTU para prédios alugados.

A Câmara só votará o projeto de lei que legaliza jogos de azar em fevereiro de 2022.

 

PUBLICIDADE